Chips pretendem encurtar tempo na produção de efeitos visuais

Novo processador gráfico da Nvdia pode ajudar também a projetar carros
Se o Turing cumprir expectativas, produtos projetados com ele serão atraentes para empresas como Walt Disney e DreamWorks Animation, que dependem de grandes redes de computadores (Tyrone Siu/Reuters)

A Nvidia anunciou que seu primeiro novo processador gráfico em dois anos estreará em produtos para estações de trabalho com computadores e servidores usados para produzir filmes e projetar carros.

O design Turing da empresa será usado em três novas placas de vídeo Quadro e uma máquina de servidor para centros de dados, informou o CEO da Nvidia, Jensen Huang, em apresentação, nesta terça-feira.

As vendas de produtos relacionados ao Quadro aumentaram 12 por cento no ano fiscal 2018 e proporcionaram à Nvidia cerca de 10 por cento de sua receita anual de US$ 9,7 bilhões. A empresa informou que os novos recursos mudarão a forma de elaborar efeitos visuais e encurtarão drasticamente os tempos de produção. 
O Turing apresenta algo chamado traçado de raios em tempo real. A tecnologia cria imagens e vídeos realistas calculando o caminho de raios individuais de luz para produzir sombras e reflexos fisicamente precisos. Um cálculo tão intenso antes não era possível em tempo real e, particularmente no caso da renderização de filmes, demanda grandes conjuntos de horas de computadores, ou até dias, para ser concluído.

Se o Turing cumprir as expectativas, a Nvidia poderá estender ainda mais seu alcance dentro dos centros de dados e reduzir a importância dos microprocessadores da Intel e da Advanced Micro Devices. Isso pode significar que os produtos projetados com Turing serão atraentes para empresas como Walt Disney e DreamWorks Animation, da Comcast, que dependem fortemente de grandes redes de computadores para produzir seus produtos.

Embora o mercado seja pequeno em relação aos jogos e a outros usos de semicondutores gráficos e processadores, a Nvidia é capaz de receber um alto preço por sua linha Quadro. O novo top de linha Quadro RTX 8000 custará US$ 10.000, informou a Nvidia. O RTX 5000 de nível de entrada custará US$ 2.300.

Por Ian King, da Bloomberg
Via: Exame
Chips pretendem encurtar tempo na produção de efeitos visuais Chips pretendem encurtar tempo na produção de efeitos visuais Reviewed by MultiMidia Info on 21:19 Rating: 5

MATÉRIA EM DESTAQUE ▼

Conheça os 15 smartphones que mais emitem radiação e proteja seu cérebro

Apesar de usarmos nossos smartphones praticamente 24 horas por dia há anos, a ciência ainda não sabe ao certo se a radiação emitida pelos d...

Matérias Recentes ▼

Mundo MS No You Tube ▼


MUNDO MS

Destaques dos Sites Mundo MS ▼

Navegue pela Data e encontre as Matérias em Ordem Cronológica ▼

Tecnologia do Blogger.